Professores de São Domingos tem cartazes rasgados e são agredidos durante manifestação na prefeitura

Greve | 23/05/2012 13h35 - Atualizada às 23/05/2012 15h12

Em greve desde o dia 16 de maio os professores do município de São Domingos ocuparam no dia de ontem (22/05) o prédio da prefeitura onde dormiram em forma de manifestação. A ocupação ocorreu de forma pacífica, e na manhã de hoje eles foram ameaçados.

Segundo informações um grupo de rapazes chegou em um veiculo Corsa destruiu as bandeiras e faixas que estavam no prédio da prefeitura, e ofenderam de forma verbal os educadores.  Até o jornalista de um jornal da capital foi ameaçado.

Continua depois da publicidade

A policia deslocou-se até a prefeitura, mas os rapazes já haviam saído. A coordenação da sub-sede Agreste, localizada em Itabaiana prestou queixa na delegacia local e o setor jurídico do sindicato foi acionado irá se deslocar até o município na tarde de hoje para tomar as devidas providências.

Mesmo depois do ocorrido os professores continuam ocupando o prédio da prefeitura, e só sairão assim que as reivindicações forem atendidas.

Reivindicações

Além do reajuste do piso em 2012, os professores reivindicam pagamento da metade do terço ferial (a primeira metade foi paga em janeiro); pagamento das horas extras dos educadores das séries iniciais, cumprimento do Estatuto do Magistério no que diz respeito a redução de jornada de trabalho; regularização do pagamento (os professores recebem de forma fracionada); garantia de auxílio transporte e regularização do repasse para o INSS.

Solicitam também a melhoria na estrutura física das escolas e o fornecimento regular de material didático-pedagógico e alimentação escolar também estão na pauta de reivindicação.

Além de São Domingos as cidade de Moita Bonita, Pacatuba, Ilha das Flores, Neópolis, Malhada dos Bois, Tomar do Geru, Canindé do São Francisco, Japoatã, Santo Amaro, Cristinápolis, Capela e os professores da rede estadual também estão em greve.

Da redação por William Vinícius, com informações enviadas por um internauta.
Foto: Facebook Dernival.

Tópicos Educação, São Domingos
Mais Recentes
Comentários
Publicidade