Prefeito de Campo do Brito recebe nota 4,0 em “Prova Final 2011” do Sintese

Educação | 30/12/2011 09h07 - Atualizada às 30/12/2011 09h09

Nesta quinta-feira, dia 29, o SINTESE realizou ato bastante conhecido de final de ano que é a divulgação das notas da “Prova Final” da educação publica, referente aos prefeitos e ao governador do estado.

O prefeito municipal de Campo do Brito, Manoel de Souza (Main) recebeu nota 4,0;  e o governador Marcelo Déda recebeu 3,0.

Continua depois da publicidade

Esta foi a pior nota que o governo Marcelo Déda levou dos professores, o patamar mais baixo a que chegou foi 3,4 em 2007. A maior média foi para São Francisco, 7,4;  enquanto a menor ficou com Itabi, 0,1.

Vale ressaltar que a coleta das notas encerrou-se no dia 09 de dezembro, praticamente uma semana antes que o governo do Estado aprovasse na assembleia legislativa a quebra na unicidade na carreira.

A luta dos professores das redes municipais também não foi muito diferente. O magistério de diversos municípios também se utilizou de várias estratégias de luta para conseguir algumas conquistas.

A Prova Final foi o último ato de 2011, mas em 2012 a agenda de luta dos professores já tem mais dois atos públicos. Dia 05, a partir das 8h no Calçadão da João Pessoa e dia 20, em pleno Préc-Caju os educadores vão sair no bloco “Dos pisados por Déda e esmagados pelos deputados”.

CONFIRA AS NOTAS DA REGIÃO AGRESTE

– Areia Branca: 3,9
– Campo do Brito: 4,0
– Carira: 0,8
– Frei Paulo: 4,2
– Itabaiana: 2,8
– Macambira: 4,1
– Malhador: 1,5
– Moita Bonita: 4,6
– Pedra Mole: 6,2
– Pinhão: 1,5
– Ribeirópolis: 3,1
– São Domingos: 1,6
– São Miguel do Aleixo: 3,8

Clique e confira as notas dos demais municípios.

Da redação por William Vinícius, com informações do Sintese.

Tópicos Campo do Brito, Educação
Mais Recentes
Comentários
Publicidade