Programa Estação Agrícola destaca piscicultura desenvolvida em Campo do Brito

Campo do Brito | 28/12/2011 11h23

No domingo de Natal, 25, o programa Estação Agrícola, da TV Sergipe, exibiu reportagem sobre o projeto de Piscicultura desenvolvido pela Companhia de Desenvolvimento de Recursos Hídricos e Irrigação de Sergipe (Cohidro). As gravações foram realizadas no dia 29 de novembro no município de Campo do Brito, onde a empresa mantém uma unidade-modelo do projeto. O programa foi ao ar às 6h.

Continua depois da publicidade

Além da repórter Tiale Acrux e sua equipe, estiveram presentes o diretor de Irrigação e Desenvolvimento Agrícola, João Quintiliano, e o gerente de Aquicultura e Pesca, Francisco Farias, ambos da Cohidro. Durante a reportagem, o telespectador conheceu o projeto que está mudando o perfil sócio-econômico de aproximadamente 100 famílias de trabalhadores rurais.

Os beneficiados atuam na criação de tilápias e tambaquis, dentre outras espécies de peixes. É tarefa da Cohidro prestar assistência técnica aos produtores, apresentado a eles novas tecnologias através de cursos, palestras, treinamentos e reuniões. A empresa também oferece auxílio aos criadores na etapa da comercialização, ajudando a escoar a produção anual que supera as 400 toneladas.

As gravações aconteceram no povoado Serra das Minas, em Campo do Brito, onde o Governo do Estado, através da Cohidro, mantém uma Unidade de Mini-Processamento e um Berçário de Alevinos. Doze famílias integrantes de uma associação se dedicam à criação de tilápias no local.

Continua depois da publicidade

Na unidade-modelo a criação é feita em tanques-redes, gaiolas onde os peixes vivem numa área delimitada, mergulhados no lago formado pela barragem Poção da Ribeira que, em certos locais, chega a ter 20 metros de profundidade. Cada gaiola pode abrigar mais de mil peixes.

Clique aqui e confira a reportagem.

Fonte: ASN
Tópicos Campo do Brito
Mais Recentes
Comentários
Publicidade