Polícia Civil realiza operação em dez cidades sergipanas. Em Campo do Brito há registro de mortes em confronto

Campo do Brito | 07/10/2021 08h00 - Atualizada às 07/10/2021 17h06

A partir de investigações do Departamento de Narcóticos (Denarc) foi deflagrada, nesta quinta-feira (7), a Operação Olho de Hórus.

Continua depois da publicidade

A ação policial teve como objetivo desarticular três grupos criminosos, sendo dois voltados ao tráfico de drogas e um que atuava no roubo de chácaras no interior do estado. As ações foram realizadas em trabalho integrado envolvendo equipes da Polícia Civil e da Polícia Militar, com o apoio da Guarda Municipal de Aracaju.

Dois dos grupos praticavam o tráfico de drogas em alta quantidade e demonstravam poder bélico com fotos de arma longa. Os integrantes também vendiam armas e munições. Na investigação, o Denarc chegou à informação de que um dos grupos estava ameaçando integrantes de uma terceira organização criminosa. Esse outro grupo voltado ao roubo de chácaras. Em um dos crimes, integrantes desse grupo criminoso dispararam na mão de uma das vítimas. Além disso, membros da associação criminosa também praticavam o crime de estupro. A Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais (Core) integrou a operação.

Como resultado da operação, foram apreendidas armas e drogas. Segundo informações, três indivíduos morreram em confronto com os policiais, sendo dois em Campo do Brito, identificados como Romário Ferreira Santos de 27 anos e Alex Almeida de Jesus de 28 anos, e um em Itabaiana, identificado como Rafael da Costa Santos de 27 anos. Oito suspeitos foram presos.

Continua depois da publicidade

Denominação da operação

O Olho de Hórus é um símbolo egípcio que representa força, poder, coragem, proteção, clarividência e saúde. Ele reproduz o olhar aberto e justiceiro de um dos deuses egípcios da mitologia: o deus Hórus. O símbolo favorece a evolução do terceiro olho, dons estes relacionados à clarividência e, da mesma maneira, simbolizando o “Olho que tudo vê”, ou seja, aquele que enxerga muito além das aparências.

A denominação da operação se deu devido às diversas operações que o Denarc está realizando em todo o estado de Sergipe, combatendo diversas organizações criminosas, de todas as envergaduras.

Com informações da SSP/SE
Tópicos Campo do Brito, Destaque, Policial
Mais Recentes
Comentários
Publicidade