Primeiro bimestre tem queda de 89% no número de homicídios em Itabaiana, segundo SSP

Itabaiana | 01/03/2021 14h38

O município de Itabaiana apresentou uma queda de 89% no número de homicídios em comparação entre o primeiro bimestre de 2020 e o de 2021. No período dos meses de janeiro e fevereiro deste ano, apenas um caso foi registrado na cidade serrana. O último homicídio em Itabaiana aconteceu no dia 31 de janeiro e vitimou Carlos Alberto Costa Santos, de 44 anos. O trabalho integrado entre as forças de segurança pública tem contribuído para a redução, que impacta diretamente na quantidade de vidas preservadas em Sergipe.

De acordo com os dados da Coordenadoria de Estatística e Análise Criminal (CEACrim), da SSP, enquanto que no período referente aos meses de janeiro e fevereiro de 2016, foram registrados 24 homicídios, esse número caiu para nove casos, no primeiro bimestre de 2020, e apresentou uma nova redução neste ano de 2021, no qual ocorreu apenas um caso de homicídio em Itabaiana. Os dados demonstram a queda de 89% no número de homicídios – entre 2021 e 2020 – e de 96% – entre 2021 e 2016.

Continua depois da publicidade

Segundo o comandante do 3º Batalhão de Polícia Militar (3º BPM), coronel Sidney Barbosa, além da atuação conjunta entre as forças de segurança, a unidade policial atua na análise da mancha criminal e na realização de abordagens policiais. “A estratégia de ação da Polícia Militar tem duas premissas básicas e principais: a aplicação das equipes de policiamento ostensivo, onde a análise criminal indica maior probabilidade de ocorrência de delitos, e uma postura de intensificação da ostensividade através da realização de abordagens”, ressaltou.

O delegado regional de Itabaiana, Tarcísio Tenório, reforçou que a redução é fruto da atuação conjunta entre as polícias Civil e Militar no combate à criminalidade na cidade serrana. “Foram realizadas várias operações em diversos setores, como de homicídios, drogas e crimes contra o patrimônio. A resposta imediata e a integração entre as Polícias Civil e Militar contribuíram para as prisões em flagrante, cumprimentos de mandados e apuração de tentativas de homicídio”, enfatizou.

Com informações da SSP/SE
Tópicos Destaques, Itabaiana
Mais Recentes
Comentários
Publicidade