Policial é morto a tiros durante abordagem em povoado de Areia Branca

Notícias | 26/08/2019 14h43

O soldado Genésio Monteiro da Cruz, 30 anos, morreu no Hospital Doutor Pedro Garcia Moreno Filho, em Itabaiana, após ser atingido por disparos de arma de fogo no povoado Pedrinhas, em Areia Branca.

De acordo com a Secretaria da Segurança Pública de Sergipe (SSP-SE), o soldado estava lotado na Força Tática do 11º Batalhão da Polícia Militar (11º BPM) e na noite desse domingo, 26, desempenhava suas atividades no efetivo policial que fazia a segurança em um evento realizado no povoado Pedrinhas, em Areia Branca.

Continua depois da publicidade

Durante o evento, um homem, identificado como Luis Fernando Rocha dos Santos, começou a fazer disparos em meio às pessoas, momento em que o policial foi atingido. O soldado chegou a ser socorrido para o Hospital Regional de Itabaiana e, chegou a ser estabilizado, mas sofreu duas paradas cardíacas e não resistiu.

O soldado Genezio, que atuava há cinco anos e um mês na unidade, é natural de Itapicuru (BA) e residia na cidade de Lagarto (SE). Em meio aos tiros, outro policial e uma adolescente também foram atingidos, e foram socorridos. Após a ação criminosa, os policiais militares iniciaram buscas para localizar o autor dos disparos, encontrando-o logo em seguida em um terreno baldio nas imediações da praça onde acontecia o evento. Ele chegou a ser atingido por disparos e encontra-se custodiado em um hospital.

Com informações da SSP-SE.

Tópicos Areia Branca, Destaques, Policial
Mais Recentes
Comentários
Publicidade