Polícia Civil alerta população sobre golpe em vendas de veículos na internet

Policial | 20/02/2019 18h03

A Polícia Civil, por meio do Departamento de Crimes Contra o Patrimônio (Depatri) alerta a população sobre o crime de estelionato, que está sendo aplicado contra vendedores e compradores de veículos na internet.

O golpe acontece quando os criminosos mantém contato com uma pessoa que esteja anunciando um veículo na internet. Eles perguntam todos os dados do veículo, pedem fotos e dizem que têm interesse em comprar para outra pessoa, às vezes um familiar ou funcionário, pessoas que supostamente eles teriam uma dívida.

Continua depois da publicidade

Posteriormente, eles pegam as fotos e anunciam o veículo por um valor muito mais baixo no mesmo site. Quando alguém se interessa e entra em contato, eles alegam que estão vendendo e que tem uma pessoa da família que vai mostrar o veículo para o interessado.

Há um jogo com as duas pessoas. Uma acha que está vendendo e a outra acredita que está comprando. O criminoso marca com essas duas pessoas e pede para que elas não comentem nada, que mintam a respeito da situação, porque se falarem a verdade o preço do veículo aumentará.

A vítima, após ver o veículo e nutrir confiança, acaba depositando o dinheiro na conta que o estelionatário indica, que geralmente é de fora do estado. Enquanto isso, a pessoa que supostamente estaria vendendo não recebe a quantia e por consequência, não entrega o carro. Logo, quem depositou acaba ficando no prejuízo.

Também há casos em que o estelionatário manda um falso comprovante de transferência para o vendedor e este repassa o bem para o comprador, acreditando que o dinheiro está em sua conta, mas isso não ocorre e, nesse caso, quem fica no prejuízo é o vendedor.

Dicas para não se tornar uma vítima

Em virtude do grande número de vítimas identificadas nos últimos dias, a Polícia Civil pede que a população fique atenta aos sinais que possam configurar um golpe. São alguns deles:

  • Interessados que peçam muitos dados acerca do veículo publicado em anúncio na internet;
  • Se vier a marcar encontros, prefira em um local público;
  • Estar atento ao sotaque da pessoa que mantém contato com você, visto que os estelionatários geralmente são de fora do estado;
  • Jamais concordar em mentir ou passar informações falsas a respeito do carro ou da transação a pedido da pessoa que se diz interessada na compra;
  • Sempre conversar com a pessoa que está interessada em comprar ou vender o veículo a respeito da negociação
  • Verificar a agência bancária da conta indicada para depósito. Através de uma simples consulta no Google, colocando o nome do banco e o número da agência, é possível saber se aquela conta é de fora do estado;
  • Em caso de dúvida, não faça nenhum depósito e procure a delegacia mais próxima.

Tópicos Destaque, Policial
Mais Recentes
Comentários
Publicidade