HU fará cirurgia de joelho inédita pelo SUS em Sergipe

Saúde | 19/12/2016 09h26

O Hospital Universitário da Universidade Federal de Sergipe (HU-UFS) realiza nesta terça-feira (20) a primeira cirurgia de prótese de joelho por navegação computadorizada. O procedimento, inédito pelo Sistema Único de Saúde (SUS) em Sergipe, é necessário normalmente quando o desgaste da cartilagem do joelho faz com que o osso fique desprotegido, causando uma degeneração.

O chefe do Centro de Cirurgia do Joelho do HU-UFS e da Unidade Musculoesquelética do Hospital, o cirurgião ortopedista Diego Protásio, explica que, utilizando essa tecnologia, sensores infravermelhos são instalados no joelho do paciente e nos instrumentos cirúrgicos a serem empregados durante o procedimento.

Continua depois da publicidade

“Um computador especialmente projetado para isso recebe as informações emitidas pelos sensores durante a cirurgia, processa todos os dados e, automaticamente, informa os parâmetros técnicos, em uma tela sensível ao toque utilizada pelo cirurgião”, detalha.

Precisão

De posse dessas informações, de acordo com ele, o cirurgião é capaz de implantar a prótese de joelho com precisão milimétrica do seu alinhamento. “O sistema de navegação computadorizada que está sendo usado no HU se diferencia por ser totalmente portátil. Ele é produzido na França, por um dos fabricantes mais renomados do mundo”, destaca Protásio.

A artroplastia total de joelho, ou cirurgia de prótese de joelho, é indicada para pacientes com artrose avançada na região e que não respondam adequadamente ao tratamento não cirúrgico. “O HU de Sergipe é o primeiro hospital público do Estado, e um dos poucos do Brasil, a utilizar essa tecnologia em cirurgias de prótese de joelho”, ressalta o ortopedista.

Acesso

O sistema de navegação a ser utilizado é uma técnica já conhecida em outras partes do mundo. A grande vantagem é permitir ao cirurgião prever ou simular exatamente como ficará a prótese implantada, oferecendo ao paciente uma cirurgia mais aprimorada e previsível.

Para ter acesso ao novo serviço oferecido pelo HU, o paciente deverá ser regulado pela Rede de Saúde para o Serviço de Ortopedia e Traumatologia do HU-UFS, via encaminhamento médico ou marcação de consulta com um profissional ortopedista do HU, que avaliará cada caso.

Fonte: Ascom EBSERH

Tópicos Saúde, Sergipe
Mais Recentes
Comentários
Publicidade