Anuncie Topo
bbnet
Anuncie
wm
Studio Milena Andrade
Supermercado
Inordeste

Campo do Brito está entre os municípios do interior do estado com previsão de maiores gastos para campanha de Prefeito

Campo do Brito | 26/01/2016 13h33

Em resolução (nº 23.459) publicada no dia 15 de dezembro de 2015, o Tribunal Superior Eleitoral – TSE determinou os limites de gastos para a campanha dos cargos de vereador e de prefeito nas eleições municipais de 2016, que ocorrerão no primeiro domingo de outubro.

Continua depois da publicidade

Os limites foram definidos a partir dos gastos declarados nas últimas eleições municipais, que ocorreram em 2012. Para as eleições de prefeito e vereador o limite será sobre 70% do maior gasto declarado para o cargo na última eleição, desde que a circunscrição eleitoral tenha possuído apenas um turno. Já nas cidades onde houve 2º turno o limite de gastos para prefeito será de 50% sobre o maior gasto declarado para o cargo nas eleições de 2012.

A exceção será para os municípios de até dez mil eleitores, onde o limite de gastos será de R$ 100.000,00 para prefeito e de R$ 10.000,00 para vereador. Ainda segundo a Resolução, onde houver segundo turno para prefeito o limite de gastos será de 30% do valor previsto para o primeiro turno.

Os valores definidos serão atualizados monetariamente de acordo com a variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) ou por índice que o substituir e a Justiça Eleitoral publicara, até o dia 20 de julho, os limites de gastos definitivos para cada cargo eletivo das Eleições de 2016.

Sergipe

Na capital sergipana, que possui 379.380 eleitores, o limite de gasto para disputa da chefia do Poder Executivo será de R$ 2.813.308,10, correspondente a 70% do maior gasto declarado para o cargo nas Eleições de 2012 que foi de R$ 4.019.011,57.

Para o cargo de vereador o limite de gastos para a campanha será de R$ 122.065,70, que corresponde a 70% do maior gasto declarado na última eleição municipal, que foi de R$ 174.379,57.

Entre os municípios do interior do Estado com previsão de maiores gastos para campanha de Prefeito estão: Japaratuba (R$ 295.965,03), Canindé do São Francisco (R$ 270.949,65), Lagarto (R$ 226,640,71) e Campo do Brito (R$ 200.500,24).

Já para o cargo de Vereador os municípios sergipanos com maiores limites de gastos são: Itabaiana (R$ 49.092,27), Divina Pastora (R$ 42.123,43), Tobias Barreto (R$ 25.621,53) e Canindé do São Francisco (R$ 20.410,00).

Os candidatos que descumprirem os limites de gastos fixados para cada campanha serão multados em valor equivalente a 100% da quantia que passar o limite estabelecido.

Vale lembrar que os valores serão atualizados e que os mesmos foram definidos pela Justiça utilizando-se como base de cálculo os gastos das eleições municipais de 2012.

É necessário destacar que os candidatos terão total autonomia para gerirem seus gastos de campanha, desde que respeitem o limite máximo estabelecido pela Justiça Eleitoral.

Fonte: TRE/SE
Tópicos Campo do Brito, Eleições
Mais Recentes
Comentários
Publicidade