Carnaval 2015: Polícia Civil prepara esquema de segurança a partir desta sexta-feira

Sergipe | 12/02/2015 12h56

A Polícia Civil de Sergipe colocará em prática de sexta-feira, 13, até a próxima quarta-feira de cinzas, dia 18, um esquema especial de segurança para o Carnaval 2015 em alguns municípios de Sergipe. O reforço no policiamento tem o objetivo de atender as ocorrências registradas no período a fim de dar mais segurança a população sergipana.

No interior do Estado, os policiais civis vão atuar reforçando a segurança das cidades de Itabaiana, Propriá, Lagarto, Pirambu, Neópolis e Canindé de São Francisco. De acordo com o delegado Joel Ferreira, diretor da Coordenadoria da Polícia Civil do Interior (Copci), os plantões devem seguir o cronograma normal nas cidades de Itabaiana, Propriá e Lagarto, já que essas cidades são contempladas com os serviços de plantões de 24h nos finais de semana.

Continua depois da publicidade

“Além desses municípios, teremos efetivos nas cidades de Pirambu, Neópolis e Canindé de São Francisco, pois são as cidades que estão previstas com um maior fluxo de turistas no período carnavalesco”, afirma o delegado.

Joel Ferreira ressalta que o município de Canindé embora não tenha uma previsão oficial para os festejos, receberá também um maior efetivo de policiais civis na região. Em Aracaju, policiais civis também foram escalados para reforçar a segurança do Carnaval da capital, contando com reforço especial do Grupamento de Repressão e Buscas (GERB) da Polícia Civil.

Deplan

A Delegacia Plantonista contará com um efetivo de 30 policiais civis para atender à população. Segundo o delegado Paulo Ferreira, diretor da Coordenadoria de Polícia Civil da Capital (Copcal), os delegados estão de pronto aviso e escalados. “Eles foram escalados para que, caso haja algum número exagerado de ocorrências, não possa deixar os policiais militares esperando em suas viaturas nas delegacias”, disse.

O esquema geral nas delegacias contará com um delegado, um escrivão e dois a três agentes policiais. Além disso, a população pode contar com um número maior de policiais nas cidades que reforçarão a segurança dos municípios sergipanos.

“A Delegacia Plantonista atuará em função de registro de ocorrências de prisões em flagrante, confecção de boletins, Termos de Ocorrência Circunstanciado (TOC), entre outros”, disse Paulo Ferreira.

(Ascom SSP/SE)

Tópicos Policial, Sergipe
Mais Recentes
Comentários
Publicidade