Após 48h, ônibus envolvido no atropelamento de estudante em Campo do Brito aparece para perícia

Campo do Brito | 16/05/2013 23h23 - Atualizada às 17/05/2013 09h36

Depois de 48h do acidente que vitimou o jovem estudante Lucas Santos Gois, 16, o ônibus escolar envolvido no atropelamento foi apresentado na Delegacia de Policia Civil no município de Campo do Brito para perícia.

Durante 30 minutos o veículo foi vistoriado e segundo o perito responsável há indícios de que o veículo foi adulterado. As portas dos fundos do veículo estavam interditadas travadas com uma placa metálica que impedia a sua abertura, a pericia também sentiu falta do tacógrafo em funcionamento, dispositivo este, empregado para monitorar o tempo de uso, a distância percorrida e a velocidade que desenvolveu.

A procuradora municipal de Campo do Brito informou que a empresa Britense Turismo realizava o transporte desde o inicio do ano e foi notificada na última quarta-feira. Segundo ela o município estaria abrindo uma comissão para apurar o fato ocorrido e, que se for comprovado que a empresa foi negligente, será penalizada, podendo até ter o contrato rescindido o contrato.

Segundo a procuradora do município neste ano foram efetuadas duas vistorias nos ônibus, a última no dia 12 de abril.

O motorista do ônibus ainda não se apresentou na delegacia, segundo a delegada Lauanna Guedes ele deve se apresentar nesta sexta-feira.

Da redação por William Vinícius, com informações da reportagem veiculada na TV Sergipe.
Foto reprodução TV Sergipe
Tópicos Campo do Brito
Mais Recentes
Comentários
Publicidade