Município de Campo do Brito se inscreve no Projeto Cidades Digitais

Informativo | 06/04/2013 13h05 - Atualizada às 06/12/2016 18h50

“Nosso objetivo é colocar Campo do Brito na era digital.” Afirmou o Prefeito Léo Rocha durante a apresentação da proposta de adesão ao projeto Cidades Digitais, do Ministério das Comunicações, do governo federal. A adesão ao projeto foi elaborada pelas secretarias municipais da Comunicação e do Desenvolvimento Econômico.

O secretário municipal da Comunicação, Josival Bezerra informou que o Projeto Cidades Digitais tem o objetivo de modernizar a gestão e o acesso aos serviços públicos no município por meio de construção de redes de fibras óticas que possibilitam a conexão entre órgãos públicos, o acesso da população a serviços de governo eletrônico e a espaços de uso da internet. “O projeto inclui a implantação de aplicativos de E-Gov nas áreas financeira, de tributação, na educação, na saúde e na capacitação dos servidores municipais para o uso e gestão da rede”, disse o secretário.

Continua depois da publicidade

Para a secretária do Desenvolvimento Econômico, Luce Cássia Nascimento, o projeto é um avanço e coloca o município em sintonia com as novas demandas. “Este projeto além de garantir uma economia à prefeitura, oportuniza a população o acesso gratuito à Internet. Com a efetivação do projeto, o cidadão britense poderá acessar livremente nas Praças Boa Hora e Benvindo Ribeiro (Usina), através da rede Wifi”, explicou.

A proposta foi encaminhada nessa sexta-feira, dia 05.

Cidades Digitais

O projeto possibilita a modernização da gestão das cidades com a implantação de infraestrutura de conexão de rede entre os órgãos públicos além da implantação de aplicativos, com o objetivo de melhorar a gestão e o acesso da comunidade aos serviços de governo.

As cidades recebem softwares para os setores financeiro, tributário, de saúde e educação, e os servidores públicos serão capacitados no uso específico dos aplicativos e da rede, assim como nas Tecnologias de Informação e Comunicação (TICs). Também está prevista a instalação de pontos de acesso à internet para uso livre e gratuito em espaços de grande circulação em locais definidos a critério das prefeituras.

Resultado de ação transversal de articulação entre órgãos do Governo Federal, o projeto tem a parceria do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão, por meio de licitação na modalidade de registro de preço nacional para a aquisição dos aplicativos de softwares públicos básicos. O BNDES oferecerá linhas de financiamento de kits de sistemas de gestão e softwares, bem como para ampliação das redes digitais das prefeituras.

Modelo básico do projeto-piloto

– Conexão entre os órgãos públicos;

– Implantação de aplicativos de gestão para os setores financeiro, tributário, de saúde e educação;

– Capacitação de servidores públicos no uso específico dos softwares e nas TICs;

– Acesso da população aos serviços de governo eletrônico;

– Pontos de acesso público à internet em praças, rodoviárias ou outros espaços.

Com informações: SECOM | Campo do Brito | Foto: Centralfest

Tópicos Campo do Brito
Mais Recentes
Comentários
Publicidade