Professores de São Domingos desocupam sede da prefeitura, mas continuam em greve

Greve | 24/05/2012 21h20 - Atualizada às 25/05/2012 08h44

Após intervenção da Deputada Estadual Ana Lúcia, os professores municipais de São Domingos, desocuparam a sede da prefeitura a qual estava ocupada desde a ultima terça-feira, 23, onde os mesmos dormiram.

A desocupação ocorreu após o compromisso de que o Prefeito Municipal Robson Mecenas irá receber na próxima segunda-feira, 28, às 10 horas, representantes do SINTESE.

Continua depois da publicidade

Os professores continuam em greve, que já dura 9 dias, e em luta pelos seus direitos.

– Reivindicações

Além do reajuste, os professores reivindicam pagamento da metade do terço ferial (a primeira metade foi paga em janeiro); pagamento das horas extras dos educadores das séries iniciais, cumprimento do Estatuto do Magistério no que diz respeito a redução de jornada de trabalho; regularização do pagamento (os professores recebem de forma fracionada); garantia de auxílio transporte e regularização do repasse para o INSS.

Segundo o SINTESE, além dos problemas do piso da categoria há outros como melhoria na estrutura física das escolas, o fornecimento regular de material didático-pedagógico e alimentação escolar também estão na pauta de reivindicação.

Da redação por William Vinícius.

Lei também:

Professores de São Domingos tem cartazes rasgados e são agredidos durante manifestação na prefeitura

Professores municipais de São Domingos irão dormir no prédio da Prefeitura na noite desta terça-feira (22)

Professores de São Domingos, Tomar do Geru e Moita Bonita em greve

Tópicos Educação, São Domingos
Mais Recentes
Comentários
Publicidade