Corpo de jovem desaparecida é encontrado enterrado às margens de estrada de São Cristóvão

Notícias | 31/01/2018 12h39 - Atualizada às 31/01/2018 19h18

Na manhã desta quarta-feira foi encontrado o corpo de Erislayne Morais da Conceição, conhecida como “Nane”, 28 anos, desaparecida desde 23 de dezembro do ano passado no município de São Cristóvão.

Segundo o delegado Mário Leony, o ex-namorado da vítima, suspeito de assassinar e ocultar o corpo, que foi preso recentemente pelo DHPP, somente hoje informou onde havia enterrado a garota. Vale lembrar que no curso das investigações, durante esclarecimento prestados, ele negou o crime, mas se contradisse em diversos pontos.

O suspeito contou que o corpo estava em um local chamado Barreiro, em São Cristóvão, próximo à sede do Sergipe Parque Tecnológico. “Ele alegou que fez tudo sozinho, mas nós não descartamos a possibilidade de outras pessoas estarem envolvidas. Ele nos disse que a levou para o matagal, esfaqueou, depois foi buscar uma enxada para enterrar o corpo da ex-namorada”, explicou Mário Leony.

A prisão

Continua depois da publicidade

No dia 16 de janeiro, a Polícia Civil, por meio do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), realizou o cumprimento do mandado de prisão temporária em desfavor de Josewaldo, 23 anos, suspeito de assassinar e ocultar o corpo da ex-namorada, desaparecida desde 23 de dezembro do ano passado no município de São Cristóvão.

De acordo o delegado responsável pelo caso, Mário Leony, a motivação do crime teria sido o término do relacionamento. Indícios apontam que na tentativa de reatar o relacionamento, Josewaldo propôs à vítima alugar uma casa no Povoado Várzea Grande, em São Cristóvão, mas o pedido foi negado. Josewaldo possui passagem pela polícia pelos crimes de roubo majorado e, enquanto adolescente, foi apreendido em posse de arma de fogo.

Fonte: SSP/SE

Tópicos São Cristóvão, Violência
Mais Recentes
Comentários
Publicidade