Estudantes sergipanos se preparam para participar das Paralimpíadas Escolares

Educação | 17/11/2016 13h05

Na tarde desta quarta-feira, 16, alunos se reuniram no Auditório Hermínia Caldas, na Secretaria de Estado da Educação (Seed), para receber dos técnicos do Departamento de Educação Física (DEF) as últimas orientações para as Paralimpíadas Escolares 2016. Também participaram do encontro pais de estudantes, professores e coordenadores das escolas envolvidas. O evento acontecerá no período de 22 a 25 de novembro, em São Paulo, e os paratletas sergipanos irão participar em quatro modalidades que são: bocha, judô, atletismo e natação.

Conforme o coordenador do paradesporto, Izequias dos Anjos, para os jovens, o esporte é sinônimo de inclusão. “A participação dos atletas sergipanos reflete como mais uma forma de incentivar o desporto paraolímpico em nosso estado”, comentou.

O jovem Bruno Marco Paixão, estudante do Colégio Estadual Ofenísia Freire, não consegue disfarçar a alegria ao participar das Paralimpíadas e garante que irá se dedicar ao máximo na busca dos melhores resultados. “O esporte me ajuda a superar as limitações. Há cinco anos que pratico o atletismo e irei competir no arremesso de peso, lançamento de dardo e cem metros”, declarou.

Continua depois da publicidade

O professor de educação física e treinador de judô do Colégio Estadual Senador Leite Neto, Neidson Mangueira, afirma que trabalhar com os paratletas é um desafio e um aprendizado constante. “Vale destacar que é de extrema importância para os alunos terem a oportunidade dessa experiência nova. Os atletas tentam alcançar o máximo da performance possível. Ao ensinar, eu digo que é necessário buscar o aperfeiçoamento dentro das limitações”, reconheceu.

*ASN

Tópicos Educação, Sergipe
Mais Recentes
Comentários
Publicidade