Professores da rede estadual farão nova paralisação e entrarão com ação no STF

Sergipe | 17/07/2015 10h49

Em assembleia ocorrida na tarde desta quinta-feira, 16, no Instituto Histórico e Geográfico de Sergipe, em Aracaju, os professores da rede estadual deliberaram as seguintes ações de luta:

– O SINTESE irá entrar com ação no Supremo Tribunal Federal (STF) para tentar reaver os sete dias de pontos cortados dos professores, durante o período da greve.

Dia 23/07 (quinta-feira): Ato contra a violência no ambiente escolar, com concentração às 15h, em frente à Escola Estadual Jornalista Paulo Costa, no bairro Bugio, em Aracaju;

Dia 11/08 (terça-feira – Dia do Estudante): Paralisação e marcha com a participação de professores, estudantes e demais servidores públicos estaduais. Local e horário da concentração a ser definido;

Continua depois da publicidade

Atos regionais: Ato na cidade de Monte Alegre. A cidade foi escolhida pela categoria porque a Secretaria de Estado da Educação (SEED), em mais uma ação arbitrária e que visa fragilizar a rede estadual, vai entregar a prefeitura da cidade de Monte Alegre a Escola Estadual José Inácio de Farias. O processo de municipalização da Escola, de acordo com informações de professores da região, está quase concluído. A ideia do ato é denunciar a situação e tentar impedir que mais uma escola da rede estadual e seus estudantes sejam repassados para a gestão municipal. A data e o horário serão posteriormente informados a categoria.

Com informações do Sintese

Tópicos Educação, Sergipe
Mais Recentes
Comentários
Publicidade